Arquivo anual 2011

porKeeperCookie

Tarde de chuva

Na janela

embaçada

desenho o teu

perfil.

O rosto se desmancha e

ficam

as marcas

do tempo que

castiga.

Chuva,

vento,

a janela

bate,

o vidro

quebra.

No chão

um caco do sorriso

que restou…